Com 1.595 mortes de covid-19 nas últimas 24 horas, o Brasil teve hoje a menor média móvel de óbitos em quatro meses (1.481). A última vez em que a média ficou abaixo de 1.500 foi no dia 7 de março, quando registrou 1.497. Com isso, o país chega ao seu 11° dia consecutivo com tendência de queda na média de mortes, com -21% na comparação com 14 dias atrás. Os dados são obtidos pelo consórcio de veículos de imprensa, do qual o UOL faz parte, junto às secretarias estaduais de saúde.

Ainda assim, o índice está alto e segue acima de mil há 168 dias. Durante a chamada primeira onda, o maior tempo que a média móvel ficou acima de mil foi 31 dias. Devido a oscilações nos dados da covid-19 que ocorrem aos fins de semana e feriados, a média móvel diária é o índice mais adequado para a análise do comportamento da pandemia, segundo especialistas. A média de hoje é comparada com o índice de duas semanas atrás – período comum de manifestação da doença. Se ficar abaixo de -15%, indica tendência de queda, acima de 15% é aceleração e, entre os dois valores, indica estabilidade nas mortes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *