Em sessão especial remota, o conselheiro Fernando Catão será empossado no seu segundo mandato como presidente do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) na próxima quinta-feira (14), às 10h. A sessão por videoconferência será transmitida ao vivo pela internet por meio da TV TCE-PB (canal no YouTube), portal e redes sociais da Corte paraibana.

Na mesma solenidade, o conselheiro Fabio Túlio Nogueira e o conselheiro Antônio Gomes Vieira Filho tomarão posse nos cargos de vice-presidente e corregedor geral, respectivamente. A nova Mesa Diretora ficará à frente do TCE-PB no biênio 2021/2022.

Também serão empossados os novos dirigentes das Câmaras Deliberativas. O conselheiro Arnóbio Viana assume a presidência da 1ª Câmara. Para a 2ª Câmara o escolhido foi o conselheiro André Carlo Torres Pontes. O novo Ouvidor do TCE será o conselheiro substituto Renato Sérgio Santiago Melo.

Fernando Catão foi eleito presidente, por unanimidade, em sessão extraordinária realizada no dia 17 de dezembro, juntamente com os demais novos dirigentes.

Por causa de medidas de combate à disseminação da Covi-19, convidados, autoridades, servidores, jurisdicionados, profissionais da imprensa e público em geral, poderão acompanhar a cerimônia de posses pelo canal do YouTube (TV TCE-PB), portal e pelas redes sociais (Facebook, Twitter e storie Instagram) do Tribunal de Contas. Durante a transmissão ao vivo Chat (bate-papo) do YouTube estará disponível para envio de mensagens e registros dos espectadores.

Perfil – Natural de Campina Grande (PB), o conselheiro Fernando Rodrigues Catão é engenheiro civil e conselheiro do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba desde maio de 2004.

Já presidiu a Corte de Contas no biênio 2011/2012. Exerceu também as funções de vice-presidente do TCE-PB e de Corregedor no biênio 2015/2017. Comandou a presidência da Primeira Câmara (biênio 2017/2018). É atualmente o coordenador da Escola de Contas Conselheiro Otacílio Silveira (Ecosil).

Fernando Rodrigues Catão dispõe de larga experiência em administração pública. Foi secretário do Planejamento e Gestão do Governo do Estado, por duas vezes, secretário de Políticas Regionais do Governo Federal (Ministro do Desenvolvimento Regional), senador suplente, secretário de Planejamento e Gestão da Prefeitura Municipal de Campina Grande e também exerceu a secretaria de Finanças da Prefeitura Municipal de João Pessoa.

Fonte: TCE-PB